"Quanto mais se lê, mais coisas você saberá. Quanto mais souber, mais lugares você chegará". - Dr. Seuss

sábado, 25 de abril de 2015

Review: Kulti - Mariana Zapata

Título Original: Kulti
Editora: Independente.
Lançamento: 2015
Páginas: 495
Gênero: Romance, Contemporâneo, Adulto.
Onde Comprar: e-book Amazon
Sinopse: "Confie em mim, eu já quis te dar um soco na cara umas cinco vezes." 
Quando o homem que você adorava quando criança se torna o seu treinador, é suposto que isso seja a melhor coisa do mundo. Palavra-chave: suposto. 
Não demorou uma semana para Sal Casillas, de 27 anos se perguntar o que havia visto naquele jogador ícone do futebol internacional, porque que ela se quer tinha tido pôsteres dele em sua parede, ou por que alguma vez imaginou casar-se com ele e ter super-bebês-jogadores. Sal tinha há muito tempo superado a pior "não separação" da história das relações imaginárias com um homem que nem sequer sabia que ela existia. Então, ela não está preparada para esta versão do Reiner Kulti que aparece para a nova temporada da sua equipe: uma tranquila e reclusa sombra do explosivo homem que um dia ele foi. Nada poderia tê-la preparado para o homem que ela passa s conhecer. Ou os terríveis impulsos que ele desperta nela. Essa vai ser a temporada mais longa de sua vida.
Segundo livro dentre os três que a autora americana Mariana Zapata escreveu que eu simplesmente amei! E pelo o que eu já percebi, ela não é uma autora de poucas palavras. Como ela é indie, os livros dela são gigantes! É coisa de mais ou menos 400 páginas. Outra característica, que eu percebi é que os romances delas não são do tipo "amor a primeira vista", a autora trabalha a história e os personagens. Ela realmente monta uma trajetória bem bacana na qual os personagens se conhecem, criam um vínculo e disso pouco a pouco vão se abrindo um para o outro e se apaixonando. 

E para mim, esse é o melhor tipo de história, porque você realmente se envolve a fundo com o livro. E sim, muitas vezes - o que até é o caso desse livro - o desenvolvimento do romance acaba sendo devagar, então tem de ter uma certa paciência.

Esse livro também me chamou muito a atenção por uma outra característica que eu nunca antes tinha visto em um livro. Kulti tem como plano de fundo o esporte, e o esporte escolhido pela a Mariana foi o futebol. E eu como uma boa brasileira que ama futebol, fiquei bem intrigada. Afinal de contas, o que uma americana iria falar sobre futebol quando esse é ainda um esporte tão novo nos Estados Unidos!? Confesso que inicialmente, achei que ela fosse Argentina ou com alguma descendência porque ela focou bem no futebol Argentino e Alemão - o que é bem o que está na atualidade - e nada do Brasil, apenas uma única vez e ela não foi assim digamos de uma forma muito calorosa. Mas enfim...

Sobre o que é a história?! Essa é a história d Sal que desde pequena sempre admirou um jogador de futebol Alemão, e por causa dele, resolveu também se tornar jogadora. Quando adolescente ela não só o admirava mas também era apaixonada e sonhava em um dia se casarem. No entanto, um ela se decepcionou com ele e logo tratou de enterrar todos esses sentimentos no lixo. 10 anos depois ela já uma mulher completamente madura, acaba conhecendo o Kulti quando ele se torna o novo assistente técnico do seu time. Mas ele se prova ser muito pior do que ela imaginava, até que eles vão pouco a pouco e de formas bem tortas se aproximando. Até que acabam se tornando grandes amigos... e dessa amizade acaba surgindo uma paixão secreta pra ambos os lados.

"Ele me irritava, mas eu também ficava irritada comigo mesma por deixar a atitude dele me incomodar." - Sal
Essa história é realmente bem legal. A gente consegue acompanhar pelo o ponto de vista da Sal todas as fases desse relacionamento. Logo, a gente acaba sentindo na pele tudo o que ela sente. E como ela é muito cega em relação aos sinais que ele dá, a gente também acompanha o que ele vai sentindo pelas as coisas que ela narra sobre ele, mas que ela mesma não se toca.

“Você é a coisa mais honesta e boa que eu já tive. Não vou negar mais isso."
Enfim, eu recomendo esse livro 100%. Ele realmente tem um começo devagar do qual muita gente não teve paciência, mas eu digo pra vocês, quando as coisas começam a deslanchar, ai a gente passa a sensação de que não poderia ficar melhor. Eu como disse antes, gosto desse construção gradativa. Detesto histórias de amor instantâneo, não acredito nisso, logo a história as vezes se torna um pouco falsa. O que não é o caso desse livro. Vão por mim, e leiam!

0 comentários :

Postar um comentário

# Compartilhar

Goodreads Skoob Facebook Twitter Pinterest

Destaques

Resenhas em Destaque



Sistema de Avaliação

Fantástico - Abalou as estruturas
Muito Bom - Gostei bastante
Bom - Dentro da média
Razoável - Meio Fraco
Péssimo - Quase difícil de terminar

Facebook

Twitter

Lendo Atualmente

Parceria

Para se tornar parceiro, entre em contato por e-mail. Saiba mais aqui: aqui.
 -

Siga por E-mail

Tecnologia do Blogger.

Vou Ler


goodreads.com

Copyright © Lápis e Livros | Traduzido Por: Mais Template - Premium Blogger Templates