"Quanto mais se lê, mais coisas você saberá. Quanto mais souber, mais lugares você chegará". - Dr. Seuss

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Review: Royally Screwd (Royally #1) - Emma Chase

Editora: Independente
Língua: Inglês
Páginas: 275
Gênero: Romance, Contemporâneo,  Adulto.
Lançamento: Outubro de 2016
E-book - Amazon BR
Nicholas Arthur Frederick Edward Pembrook, coroado príncipe de Wessco, também conhecido por "Sua Alteza Sexy", é perversamente encantador, devastadoramente bonito e descaradamente arrogante; difícil não ser quando as pessoas estão constantemente se curvando para você. 
Então, em uma noite de neve em Manhattan, o Príncipe conhece uma linda mulher de cabelos escuros que não se curva para ele. Em vez disso, ela joga uma torta em sua cara. Nicholas quer descobrir se ela é tão saborosa quanto a sua torta e esse herdeiro aparentemente é acostumado a conseguir o que quer.  Namorar um príncipe não é o que a garçonete Olivia Hammond jamais imaginou que seria. Há uma rainha desaprovadora, um herdeirdo de reserva descontroladamente inapropriado, paparazzi's implacáveis e um brutal escrutínio público. Mesmo tendo trocado carruagens por Rolls Royces e não terem cortado a cabeça de ninguém ultimamente, a realeza esta bem longe de aceitar essa plebeia. Mas para Olivia, Nicholas vale a pena. Nicholas cresceu com mundo inteiro lhe assistindo e agora o tik tak para um Casamento está em pleno vigor. No final, Nicholas terá que decidir quem ele é e o mais importante, quem ele quer ser: um Rei ou o homem que poderá amar Olivia para sempre.
Mais um grande livro da autora Emma Chase e devo confessar que um dos meus guilty pleasures da vida são essas histórias da realeza contemporâneas. rsrs Como a própria Emma disse, a vida peculiar dessas pessoas acabam sempre interessando a maior parte das pessoas. E foi com essa inspiração que ela resolveu escrever Royally Screwd. 

Aliás, é perceptível que ela usou a realeza (Reino Unido) mais famosa do mundo para escrever essa série. As semelhanças estão em cada ponto desse livro. Royally Screwd é focado no Nicholas, Príncipe de Wessco e o próximo na linha de sucessão, já que os pais morreram em um acidente quando ele era adolescente. Ele é solteiro, lindo, jovem e carrega o mundo nas costas, já que muito se espera dele. O Nicholas não somente irá um dia se tornar Rei, mas também desde pequeno vê a sua vida ser meticulosamente analisada pelo o resto do mundo. Sempre tendo que tomar cuidado com o que faz, fala e se comporta.

Com as aparências da família relativamente manchadas pelo o comportamento rebelde do seu irmão mais novo, Henry, a Rainha resolve que a melhor forma de atrair atenção das pessoas para algo positivo, é o tão esperado casamento do Príncipe Nicholas. E já que ele não tem namorada, ele terá que arrumar uma candidata que se encaixe dentro das leis e regras nos próximos quatro meses.  No entanto, por a hora a Rainha o manda para Nova York afim de trazer o irmão de volta, bem como também cumprir alguns compromissos Reais. 

Agora, imagina você uma linda jovem de 20 e poucos anos com o peso de ter que tocar o negócio da única coisa que traz o sustento de sua família e o mesmo estar indo ladeira a baixo... Olivia praticamente dedica todas as horas da sua vida ao Café da família. Ela não tem muito tempo pra si e quem dirá para acompanhar fofocas. Dessa forma, quando o Príncipe Nicholas entra em seu café com um amigo quando ela já está prestes a fecha-lo, ela não tem idéia de quem ele seja. Ele está bêbado, mas ainda assim consegue conquistar a Olivia com o seu jeito sexy e atrevido de ser, mas já com problemas suficientes, ela não tem tempo para divertimentos, assim, ela dispensa as suas investidas. 

A primeira vista, ele se encanta não só pela a beleza mas também pelo o seu jeito audacioso e assim, ele se mantém persistente em conquista-la. Esses dois juntos trazem a tona aquela fantasia do Príncipe lindo e mais desejado do mundo se apaixonando por uma pobre plebeia que não tem muito a oferecer além do seu bom coração. E é justamente por essa razão que os dois não podem ficar juntos. Ele até pode casar-se por amor, contanto que a felizarda seja também realeza ou do mesmo país, o que não é o caso da Olivia. 

Eles embarcam em uma série de eventos que os tornam ainda mais próximos e apaixonados. O Nicholas mostrando a Olivia as realidades boas e ruins do seu mundo e a Olivia lhe proporcionando liberdade e tudo aquilo que ele não imaginava que desejasse.

É interessante que apesar da história ser claramente baseada na realeza britânica, o Nicholas não tem muito a ver nem com o William e nem com o Harry. Se eu tivesse que fazer algum paralelo, diria que ele é na melhor da hipóteses uma boa mistura dos dois. Ele carrega a seriedade e responsabilidade de saber que um dia será Rei como o William e ao mesmo tempo tem aquela jovialidade e empenho sobre as causas nobres como o Harry. Já a Olivia é uma personagem carismática, forte e independente. Não tem muito o que não gostar sobre ela. 

Os personagens secundários também são muito bons. Adorei os irmãos, tanto a Ellie - irmã da Olivia - quanto o Príncipe Henry. Aliás, o próximo livro da série será focado nele. Essa foto ao lado é a capa do livro.

Enfim, a história pode até parecer cliché, pelo o fato de parecer um conto de fadas moderno, mas pra quem curte, esse livro aqui é um prato cheio. Tive algumas ressalvas em relação ao romance, mas nada realmente relevante. Gostaria também que a história tivesse tido um pouco mais de drama, especialmente no final. A questão aqui é que a autora criou um bom cenário, ótimos personagens, mas acho que poderia ter aproveitado mais a história e ter feito dela um pouco menos "sessão da tarde".  

De qualquer forma, foi um bom livro. Com certeza indico. Se você é do tipo que curte o estilo, então esse livro aqui é pra você. 


2 comentários :

  1. Oi Carla, tudo bem?
    Que resenha deliciosa! Me deu a maior vontade de comprar e me jogar na leitura! Mas, infelizmente não sou boa no inglês. Para eu ler um livro nessa língua, demoro muitoooo e ás vezes fica difícil terminar. Vou ficar na torcida para que alguma editora lance por aqui.
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, pois é, uma pena mesmo ele só ter em inglês. É realmente um livro bem gostosinho, mas tenho fé que alguma editora irá comprar.
      Obrigada pela a visita. ;)
      Bjos!

      Excluir

# Compartilhar

Goodreads Skoob Facebook Twitter Pinterest

Destaques

Resenhas em Destaque



Sistema de Avaliação

Fantástico - Abalou as estruturas
Muito Bom - Gostei bastante
Bom - Dentro da média
Razoável - Meio Fraco
Péssimo - Quase difícil de terminar

Facebook

Twitter

Lendo Atualmente

Parceria

Para se tornar parceiro, entre em contato por e-mail. Saiba mais aqui: aqui.
 -

Siga por E-mail

Tecnologia do Blogger.

Vou Ler


goodreads.com

Copyright © Lápis e Livros | Traduzido Por: Mais Template - Premium Blogger Templates